Factory Braga | COVID-19 

Plano de contingência e adaptação para continuar a fazer crescer


🚨 Actualização

No dia 4 de Maio, o Factory Braga regressa à (nova normalidade), com regras de utilização do espaço. Sabe quais.

Será também criado um Fundo Comunitário para pagamento da mensalidade de Maio. Sabe mais.


    1. Contexto
    2. Modo de Funcionamento
    3. Escritórios
    4. Formações
    5. Em caso de suspeita de infecção
    6. Eventos
    7. Sites Informativos

 

1. Contexto

Com a rápida evolução do novo Coronavirus, COVID-19, o Factory elaborou um Plano de Contingência, para garantir a segurança dos seus Coworkers, formandos, formadores e da equipa, bem como das suas respetivas famílias.

O plano segue as orientações da Direção Geral de Saúde (DGS) e da Organização Mundial de Saúde (OMS), e é um documento de referência para a adoção de medidas que objetivam minimizar o impacto do COVID-19. O Factory mantém-se também atento aos dados sobre a pandemia e, consequentemente, às novas recomendações comunicadas pelas organizações competentes, pelo que este documento poderá ser alterado de acordo com as decisões discutidas junto da equipa, que serão posteriormente divulgadas nos nossos canais de comunicação.

A segurança, saúde e bem-estar de todos, como comunidade e sociedade, são a nossa prioridade. Mas com estas medidas queremos também dar o nosso contributo para manter a atividade económica do país e atenuar o impacto das últimas semanas nas empresas. Sabemos que a grande maioria dos negócios vão operar de forma diferente, teremos todos de garantir o distanciamento social, mas os negócios não podem parar.

Acreditamos que, com este esforço coletivo, conseguimos fazer a diferença!

 

2. Modo de Funcionamento

Para minimizar o impacto desta pandemia nos negócios de todos, e para garantir que o Factory continua a ser um lugar seguro para trabalhar, serão feitas algumas alterações ao funcionamento do espaço e deixamos recomendações para o dia-a-dia de todos os membro da comunidade:

  • Teremos sempre um membro da nossa equipa na recepção, de forma rotativa, para recebermos todas as encomendas e a correspondência, no entanto, o vidro da recepção irá permanecer fechado;
  • Iremos reforçar a limpeza em alguns locais mais críticos, como o Cowork, os WCs e a copa;
  • E por falar em copa, recomendamos que tragam louça de casa
  • A partir de agora, serão distribuídas chaves para as caixas de correio interior para quem está no Cowork e nos wPod;
  • Aos Factoryanos do serviço vPod,  serão entregues chaves das caixas de correio exterior;
  • Em ambos os casos, é obrigatório trazerem as chaves convosco. É também obrigatório trazerem as chaves de acesso aos vossos espaços de trabalho, assim como do armário do Cowork;
  • As encomendas serão colocados para levantamento no wPod3 (enquanto estiver livre);
  • Deixaremos de trocar dinheiro para acesso à máquina de café e de vending;
  • Relativamente aos alugueres externos das salas de formação, teremos limites de capacidade da sala:
      • mPod com 3 pessoas
      • Sala executiva com 6 pessoas
      • Sala de formação com 7 pessoas (uma por mesa)
      • Auditório com 6 (uma por mesa) ou 15 pessoas (só com cadeiras)
  • A equipa apenas receberá visitas ao espaço por marcação;
  • Poderão consultar mais recomendações do Factory aqui e da DGS aqui.

A partir do dia 13 de Abril, recomendamos a utilização de máscaras descartáveis a quem utiliza todos os espaços partilhados (Cowork, espaços comuns, WCs).

Começaremos a aceitar visitas comerciais ao Factory, sendo que iremos garantir o cumprimento de todas as regras recomendadas – as visitas serão agendadas e será solicitado aos visitantes que tragam máscara descartável e que a mesma seja usada durante toda a visita.

As máscaras terão de ser deitadas directamente no lixo comum, e não na reciclagem, para protegermos os profissionais que trabalham nos centros de reciclagem.

A equipa Factory manterá a recepção fechada, pelo que a utilização de máscaras e viseira por nós apenas será utilizada nos espaços comuns. Dentro da recepção, quem estiver a trabalhar nesse dia, não utilizará máscara, pois o espaço estará totalmente fechado, existindo já uma barreira física com toda a gente.


🚨 Actualização

Além das regras acima mencionadas, a partir do dia 4 de Maio, o Factory reabre as portas com uma (nova) normalidade, e com novas medidas, para garantir a segurança de todos:

  • Recomendamos que, sempre que possível, a porta do Cowork seja mantida aberta, assim como das salas de reunião;
  • Recomendamos a utilização de máscaras no Cowork e nos espaços comuns;
  • Reforçamos a recomendação de trazerem louça de casa, pois não dispomos de máquina de lavar louça e assim existe uma maior higienização na hora das refeições;
  • Irão ser definidas escalas para almoços na cozinha:
    • 12h30 às 13h // 13h às 13h30 // 13h30 às 14h // 14h30 às 15h;
  • Recomenda-se que apenas estejam a almoçar ao mesmo tempo 4 pessoas na cozinha (1 na mesa alta, 1 na mesa mais curta, e 2 na mesa mais comprida), sendo que se recomenda que ninguém se sente frente a frente.

3. Escritórios

De forma a minimizar o impacto que esta pandemia trouxe para os negócios, serão feitas algumas alterações ao serviço no próximo mês de Abril (pelo menos), que consistem nas seguintes:

  • Para garantir a distância social recomendada pela DGS e OMS, iremos reduzir a lotação do cowork a 2 pessoa por ilha;
  • Os pagamentos serão apenas aceites por MBway ou transferência bancária;
  • Iremos também oferecer o serviço de impressão e digitalização (apenas cartas urgentes) para Cowork e wPod;
  • As mensalidades de Abril terão 50% de desconto para o Cowork e wPod;
  • Todos os Factoryanos que ocupam o Cowork, terão acesso ilimitado, sem ser cobrado qualquer valor adicional às vossas avenças.

Enquanto ficam por casa, deixamos 7 vantagens do trabalho remoto.


🚨 Actualização

Em Maio será criado um Fundo Comunitário, para todos os Coworkers com espaço físico, e que estão com dificuldades em liquidar a mensalidades desse mês.

O Fundo de 250€ é disponibilizado pelo Factory, mas poderá ser reforçado pelos restantes Factoryanos, cujos negócios não tiveram grandes impactos negativos, e caso estejam disponíveis para contribuir.

Todo o processo decorrerá de forma totalmente anónima.


4. Formações

Com a adoção da quarentena/isolamento voluntário como uma das principais medidas de prevenção para minimizar os impactos do novo Coronavírus, o Factory começou, no dia 12 de Março, formações em Live Training

O Live Training foi escolhido por:

  • Manter a interação entre formandos e formadores;
  • Possibilitar a realização da componente prática presente em cada módulo/formação, bem como a resolução de dúvidas em tempo real;
  • Permitir a gravação das sessões, que ficarão disponíveis na Pasta Partilhada com a turma por 48h após a realização da aula; 

O Factory definiu algumas regras básicas para as formações em Live Training. Entretanto, é responsabilidade de cada formador definir, no início de cada curso ou módulo as suas regras, de acordo com as especificações do conteúdo e do tipo de atividade que será desenvolvida durante a aula.

A plataforma utilizada para as aulas é o Google Meet. O acesso ao link da ferramenta gratuita é partilhado nos grupos do WhatsApp de cada turma 1h antes do início de cada sessão. Bem como nas aulas presenciais, um membro da equipa Factory fica disponível até as 19h para dar permissão de entrada aos formandos, além de fazer o registo de presença. 

A partir do horário em questão, não serão mais aceites os pedidos de entrada na sessão. A decisão visa garantir a melhor experiência para os formandos, que poderão, mesmo sem frequentar a sessão, ter acesso à aula gravada e retirar possíveis dúvidas com os formadores por e-mail ou através do grupo do WhatsApp.  

O grupo do WhatsApp também é utilizado para:
  • Avisos de atrasos ou ausências;
  • Partilha de conhecimentos/soluções;
  • Esclarecimento de dúvidas.

As turmas em Live Training continuam a ter um número máximo de participantes. Desta forma, podemos garantir a maior interação e personalização durante as sessões, uma vez que o apoio e o contacto direto entre formadores e formandos fazem parte da nossa metodologia de ensino.

Desde o primeiro dia de formação, os formandos poderão aceder à Comunidade Alumni do Factory. O grupo privado do Facebook é criado e gerido pela equipa e tem o objetivo de fazer crescer a troca de conhecimentos e facilitar o esclarecimento de dúvidas entre formandos e formadores. Serão partilhados também os novos cursos em agenda, além dos artigos do blog. 

No futuro, as formações em Live Training continuarão a fazer parte dos serviços oferecidos pelo Factory. Afinal, nesta época de mudanças e adaptações, os cursos neste formato aparecem como uma solução e uma oportunidade para continuarmos a fazer crescer competências, desconstruindo barreiras.


🚨 Actualização

Para tornar o conhecimento ainda mais acessível, os cursos na modalidade Live Training têm novos preços e 15% de desconto para compras feitas através do site.

Para fazer uso do desconto, basta:

  1. Fazer o registo no website;

  2. Adicionar o curso escolhido ao carrinho;

  3. Ir ao carrinho e adicionar o código (EXTRA15);

  4. Finalizar a compra!


 

5. Em caso de suspeita de infecção

Caso qualquer membro da equipa ou Factoryano esteja com sintomas gripais generalizados, deverá ficar em casa. 

A equipa Factory deverá ser avisada caso tenha acontecido um dos seguintes cenários, para averiguar a possibilidade de contágio com outros Coworkers:

  1. Esteve ou suspeita que possa ter estado em contacto com uma pessoa infetada, nos últimos 14 dias, antes do início dos sintomas;
  2. Esteve em contacto com algum profissional de saúde e/ou deslocou-se a uma instituição de saúde onde são tratados doentes com COVID-19;
  3. Viajou de/para zonas afectas – em Portugal e globalmente – nos últimos 14 dias, antes do início dos sintomas;
  4. Manifeste sintomas e/ou suspeite estar infetado.
Em caso de manifestação dos sintomas de COVID-19 (febre alta, tosse e dificuldades respiratórias) dentro do Factory Braga, deverá proceder-se da seguinte forma:
  1. O Factoryano deve dirigir-se para a área de isolamento – WC deficientes – e permanecer dentro desta, sendo que a equipa prestará a assistência necessária;
  2. A linha SNS 24 (808 24 24 24) será contactada de imediato. Esta, por sua vez, procederá ao despiste da situação, recorrendo ou não à Linha de Apoio Médico;
  3. Mediante avaliação do SNS 24 e Linha de Apoio Médico, em caso de suspeição, todos iremos colaborar com as autoridades de saúde na identificação de contactos próximos, informando a comunidade dos devidos procedimentos;
  4. Conforme a situação, o Factory irá decidir sobre as condições de manter abertas as suas instalações, encerrando de imediato, caso haja indicação para o efeito pela DGS ou pelo Delegado de Saúde ou por Profissional de Saúde devidamente qualificado;
  5. Nesse caso, o Factory será encerrado por um período nunca inferior a 14 dias.

Por fim, em caso de confirmação de contaminação de algum membro da equipa ou de Factoryanos, todos os coworkers serão informados da situação por todos os meios usados nas comunicações internas, e instados a tomar as medidas de contenção adequadas.

 

6. Eventos

Assim como as formações, os Meetups realizados pelo Factory também acontecerão em Live Training. As inscrições continuarão gratuitas e o número de inscritos limitados, de forma a priorizar a interação e o networking entre participantes.    

 

7. Sites Informativos

https://www.dgs.pt/corona-virus.aspx

https://www.dgs.pt/directrizes-da-dgs/orientacoes-e-circulares-informativas.aspx

https://www.sns24.gov.pt/tema/doencas-infecciosas/coronavirus/covid-19/#sec-8

https://www.dgs.pt/pagina-de-entrada3/corona-virus/organizacoes-internacionais.aspx (Áreas Afetadas)